VEJA DICAS PARA A BATERIA DA MOTO DURAR MAIS

Antes de mais nada é importante saber que, segundo especialistas, as baterias de moto, seladas ou livres de manutenção, têm duração média de três anos.

Já as bateriais convencionais, principalmente destinadas às motos mais antigas, a durabilidade é mais baixa, sendo em média de 1 ano e meio.

1ª) Atenção com a instalação de equipamentos, como alarmes e rastreadores, pois podem causar fuga de corrente e a bateria pode ficar sem força suficiente para fazer a moto ligar. Escolha um lugar de confiança para fazer este tipo de serviço;
2ª) Não deixe a moto parada. Rodar ao menos 5 km por dia pode aumentar a vida útil de uma bateria para até quatro anos. Se você só usa a moto no final de semana, saiba que o desuso e a rodagem por períodos curtos contribuem muito para o descarregamento da bateria. Isso acontece principalmente naquelas que possuem equipamentos que consomem mais energia (como os alarmes e rastreadores) ;
3ª) Uma madeira ou borracha no pezinho da moto pode ajudar na duração de sua bateria. O apoio de metal, que fica em contato com o chão enquanto ela está parada, possibilita a formação de uma corrente, como um fio terra, e faz com que a energia da bateria seja dissipada. Com a madeira ou borracha a corrente é isolada ;

4ª) Vai deixar a moto parada por muito tempo? Uma opção é desconectar os cabos da bateria, pois assim impedirá que a energia seja perdida. Mas atenção! A ordem para desconectar os cabos é muito importante. Primeiro desconecte o negativo, depois o positivo (protegido por uma capa de borracha), assim você impede que haja um curto que danifique os acessórios elétricos de sua moto. Na hora de religar, use a orgem inversa. Primeiro o positivo e depois o negativo ;

5ª) Verifique periodicamente como está a bateria, principalmente no inverno e em períodos chuvosos. A baixa temperatura faz com que a bateria precise de mais força para girar o motor, pois o óleo fica mais grosso. Além disso, a umidade pode provocar curto circuito. Busque uma oficina especializada para fazer a avaliação ;

6ª) Mesmo alguns dos novos modelos de moto são fabricados com baterias convencionais e elas exigem maior cuidado. Se a sua bateria for do tipo convencional, lembre-se que ela precisará ser completada com água destilada para funcionar ;

7ª) Tentou ligar a moto e ela não funcionou? Chame um mecânico ou faça a chamada ‘chupeta’, utilizando os cabos específicos para este tipo de procedimento, ligando-os à outra moto que esteja funcionando. Não dê ‘tranco’ na moto para ela funcionar. Isso pode danificá-la, especialmente se tiver injeção eletrônica ;

Fonte: Auto Esporte

Parceiros:

 
Copyright 2010 - www.cachorraomc.com.br - Todos os direitos reservados --- Web Master WPPERCINOTO - Atualizado em: 07/2018